terça-feira, 6 de setembro de 2016

Visita pelo Museu e Estádio do Dragão


António Nicolau d'Almeida, criou aquele que viria a ser um dos maiores clubes portugueses, convidou o Club Lisbonense para um primeiro jogo de futebol e assim se dava a primeira aparição azul e branca.
O clube foi crescendo, assim como a casa que o acolhe. A realização do Euro 2004 proporcionou a mudança do Estádio das Antas para o novo Estádio do Dragão, em novembro de 2003, da autoria do arquiteto Manuel Salgado tem a capacidade para 50.399 espetadores e é inaugurado através de um jogo particular entre o FC Porto e o FC Barcelona. Além da sua função principal o estádio é provido de outras valências, enriquecidas pelos espaços verdes e pelas vias anexas ao complexo desportivo, tendo zonas residenciais comerciais. Por tudo isto, o Estádio do Dragão foi se afirmando como um ponto de referência desportivo e cultural da cidade. De salientar ainda que é o primeiro estádio europeu a conseguir a certificação “GreenLight”, uma certificação da Comissão Europeia que premeia o esforço realizado em termos da utilização racional de energia e na qualidade da iluminação.


Foto: ReservasdeCoches.com / photo on flickr

O Museu do FC Porto by BMG foi inaugurado a 28 de Setembro de 2013, no dia em que o clube comemorava o seu 120.º aniversário. Ao longo de 27 áreas temáticas e de uma área de exposição permanente à entrada onde está exposta a obra de Joana Vasconcelos, a Valquíria Dragão, composta por 300 troféus e outros elementos associados ao clube, a história do clube vai sendo contada.

Nenhum outro museu ligado ao desporto se assemelha ao do FCPorto. Além da sua vasta exposição de troféus, entre os quais alguns dos mais importantes, como a Taça Intercontinental - que ficou para sempre na posse do FC Porto, por ter sido o vencedor da última edição - a Taça dos Campeões Europeus, a Taça UEFA, a Supertaça Europeia, as Botas de Ouro de Fernando Gomes, conquistadas nos anos 80 ou a Taça Arsenal, um impressionante troféu com cerca de 250 quilos de peso, 130 dos quais em prata maciça.
O museu pela sua importância tornou-se num pólo cultural para além das suas histórias desportivas, a que junta a sua componente audiovisual, com mais de 200 vídeos, onde grande parte deles são interativos, fizeram dele o museu mais moderno da Europa
  
Não podemos falar do FCPorto sem vos contar um bocadinho da história da cidade que lhe dá o nome e que deu nome a Portugal. Foi capital do Condado Portucalense quando ainda se chamava de Portus CaleÉ uma cidade mundialmente conhecida pelo seu vinho, pela mistura entre a arquitectura antiga - onde se destaca monumentos como Torre dos Clérigos, Palácio da Bolsa, Sé do Porto ou a Livraria Lelo - e moderna, pelo seu centro histórico - classificado como Património Mundial pela UNESCO - pela sua gastronomia, pela sua principal universidade pública, a Universidade do Porto, bem como pela qualidade dos seus centros hospitalares, e claro pelo seu principal clube de futebol, o FCPorto. É a 2ª maior cidade Portuguesa e já foi considerado destino europeu nos anos de 2012 e 2014, a cidade também é conhecida por cidade Invicta e é banhada pelo rio Douro onde se podem ver as famosas caves do Vinho do Porto.


Foto: EDARF / photo on flickr


Para todos os adeptos do FCPorto e para todos os que adoram futebol, o museu e o estádio contém muitos anos de histórias e de conquistas do clube e fazem com que se possam passar momentos interessantes durante a visita. Se também com esta v isita diferente, passe no nosso site em www.besttimetour.com/tour/tour-porto-museu-e-estadio-do-dragao-portugal e conheça o nosso tour.

Encontre outros tours em www.besttimetour.com 

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...