Mostrar mensagens com a etiqueta vindimas. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta vindimas. Mostrar todas as mensagens

sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Roteiro pelas festas das Vindimas


Somos um país de festas e romarias. Um pouco por todo o país ao longo de todo o ano, as festas vão animando as nossas gentes e aqueles nos visitam. Mas com o aproximar do fim do verão e o com início do Outono, é tempo de dar lugar às colheitas, em especialmente às vindimas. É um novo tempo de festas, os trabalhos nas vinhas fazem-se em ambiente de festa e convívio, que se vai espalhando pelas suas gentes.
E é isto mesmo que vos dá-mos a conhecer hoje, algumas das festas e romarias mais importantes do nosso país, estas trazem uma nova alegria depois do fim do verão, da partida dos emigrantes – que foram enchendo as ruas durante os últimos meses - e do regresso ao trabalho. 




As Festas das Vindimas de Palmela começaram em 1963, nasceram do desejo de dar à cidade umas festas que honrassem o património vinícola da região e animam a cidade de Palmela durante cerca de 7 dias, em setembro. Tudo nasceu da vontade de 2 homens, Álvaro Cardoso e Tito Monteiro.
Estas festas têm 3 grandes momentos, Pisa e Bênção do 1.º Mosto, o Cortejos Alegóricos e a eleição da Rainha das Vindimas, além destes há outras atrações como concertos, largadas de touros ou espetáculos pirotécnicos. 
Apesar da região vinícola de Setúbal não ser reconhecida instantaneamente, tem vinhos e castas de alta qualidade que estão a crescer cada vez mais. Distinguem-se entre tinto, branco e moscatel. No que toca aos tintos é a casta Castelã que domina, origina vinhos encorpados, de cor intensa e aroma intenso. No caso dos brancos, estes derivam de castas como Fernão Pires e Moscatel de Setúbal, com boa estrutura e aroma frutado.

As Festas da Vindimas de Ponte da Barca, realizam-se nos inícios de outubro e são organizadas pela Câmara Municipal de Ponte da Barca, com o apoio Adega Cooperativa e Associações do concelho. As festas fazem jus à forte ligação da cidade com a tradição vitivinícola, integrando momentos relacionados com isso mesmo, como é o caso da Pisada das uvas, da Tirada do Vinho e outras recriações. Fazem ainda parte das festas muita música e danças tradicionais como é o caso das Rusgas e Ranchos Folclóricos, tem ainda tasquinhas e uma feira de artesanato.



Embora as festas das Vindimas de Ponte da Barca não se realizem à muito tempo, celebram um dos mais importantes vinhos do nossos país, o segundo mais exportado a seguir ao Vinho do Porto, o Vinho Verde é produzido na Região Demarcada dos Vinhos Verdes e é único no mundo. É um vinho leve e fresco, com moderado teor alcoólico, frutado, fácil de beber, ótimo como aperitivo, saladas, peixes, mariscos, carnes brancas, tapas, sushi, sashimi e outros pratos internacionais.

Estas foram dois exemplos de festas e romarias que homenageiam os nossos vinhos e as nossas tradições. As vindimas são uma época importante, são o culminar de muitos meses de trabalho que nem sempre são fáceis graças às condições climatéricas.

Temos a certeza que ficou com vontade de conhecer o nosso país em época de vindimas e quem sabe participar em alguma. Esperamos por si, entre www.besttimetour.com e escolha o seu tour preferido.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...